25/06/2019

Vinho branco na receita e os dilemas de sempre

Categoria:  Até R$ 50, Degustação, Importado, Vinho Branco

Por: Tamine de Moraes
Vinho branco Quinta de Bons Ventos

Quinta De Bons-Ventos Branco 2017– Casa Santos Lima, Lisboa/Portugal

Vinho branco para preparar um risoto. Não seria um dilema se a gente se planejasse com antecedência para evitar a pressão das prateleiras do mercado. As poucas informações dos rótulos e as opiniões das redes sociais não são suficientes para evitar o risco de comprar mal e, mesmo tentando ir pelo caminho do custo-benefício, colecionamos péssimas decisões.

Já usamos o Periquita Branco, Caballo de Oro Chardonnay, Gato Negro Sauvignon Blanc e o Chilensis Chardonnay Selección Especial. Alguns só serviram para preparar a comida e depois foram direto para pia. Final feliz mesmo só acontece quando uma taça vai para a panela e o resto nos serve com gosto. É claro que é difícil equilibrar toda essa satisfação a um preço acessível, isso porque, infelizmente, até os vinhos brancos simples andam muito caros.

Bom, vamos à história de hoje: compramos um vinho branco mais doce e estávamos pensando em harmonizá-lo com um risoto e com uma sobremesa. Risotos levam vinhos brancos secos no preparo, o que nos fez ir a um mercado às pressas e tentar a sorte. Tinham algumas meias garrafas e esta da Quinta de Bons-Ventos era a mais barata entre todas – 23 reais. A garrafa de 750ml do mesmo vinho era menos de R$50 reais e é claro que, proporcionalmente, compensaria comprá-la. Só que decidimos pensar no valor unitário e no fato de que o vinho do mercado não seria a estrela do dia.

Compramos a meia garrafa desse vinho português seco que é um blend de uvas brancas: vai Arinto, Fernão Pires, Vital, Chardonnay e Viosinho.

Na hora de abri-lo, os aromas agradaram. Um vinho bem frutado, com destaque para pera e frutas cítricas, além de notas de ervas frescas. Quanto ao sabor, as impressões não foram tão positivas: muito sutil, faltou corpo e faltou um pouco de acidez. Percebeu-se também um leve amargor.

Na ficha técnica do produtor há mais detalhes sobre o vinho e a vinificação.

Servimos uma taça e, como o sabor era quase imperceptível, não prejudicou o preparo do prato. Só que esse foi o único ponto positivo. Considerando esse vinho para um consumo convencional, esse vinho branco não anima. Era a melhor opção do mercado, considerando que não queríamos pagar muito e nem queríamos uma garrafa inteira para consumir diretamente. Mas, como consta nos links acima, há opções mais razoáveis tanto para preparos culinários, quanto para beber sem compromisso.

Quinta de Bons Ventos vinho branco 2017
Quinta de Bons-Ventos vinho branco

O vinho não empolgou e, por isso, segue a busca por um branco seco (que sirva também para cozinhar) que não seja caríssimo, nem suave e nem sem gosto.

Se você estiver em busca de outros vinhos brancos vale a pena clicar aqui.

E se você já experimentou o Quinta De Bons-Ventos Branco 2017, avalie aqui embaixo.

Compraríamos novamente?
Faixa de preço:
Até R$50

Conhece este vinho? Avalie!
1 Estrela2 Estrelas3 Estrelas4 Estrelas5 Estrelas
(Esse vinho ainda não foi avaliado)
Loading...

Sobre o Blog

Seja bem-vindo ao nosso blog de vinhos! Um apanhado de boas histórias para quem curte essa belíssima fonte de prazer e de cultura que é o vinho!

Categorias